sábado, 15 de junho de 2013

Estorinha: "O bolo de fubá" - de Pedro Bandeira


Pedro Bandeira é um daqueles escritores encantados, que possuem o dom de transportar o leitor - seja ele criança, adolescente ou adulto - a mundos fantásticos, como o da estória "O fantástico mistério de Feiurinha", publicado pela Editora FTD, vencedor do Prêmio Jabuti 1986 (Melhor Livro Infantil) e relançado pela Editora Moderna em 2009, numa edição especial, ilustrada com cenas do filme adaptado para o cinema, com a Xuxa no papel principal ("Xuxa em o Mistério de Feiurinha").


Xuxa e Pedro Bandeira na Bienal do Livro 2009 - Fotos: Divulgação

Aproveitando as festas juninas, publico aqui uma estorinha legal, versão da fábula "A galinha ruiva", de autoria desse maravilhoso escritor e contador de estórias - orgulho brasileiro.

O bolo de fubá

Pedro Bandeira


A Galinha Ruiva, a ciscar pelo terreiro, encontrou uma linda espiga de milho.
– Que achado! Vou fazer um bolo de fubá!
No terreiro, estavam o Pato, o Porco e o Peru a vadiar. A Galinha Ruiva foi até eles 
pedir ajuda:
– Quem me ajuda a debulhar o milho?
– Eu não – começou o Pato. – Estou muito ocupado...
– Eu não – continuou o Porco. – Estou muito cansado...
– Eu não – completou o Peru. – Pois hoje é feriado...
Sozinha, a Galinha Ruiva debulhou a espiga.
– Quem me ajuda a moer o milho? – pediu a Galinha Ruiva.
– Eu não – começou o Pato. – Estou muito ocupado...
– Eu não – continuou o Porco. – Estou muito cansado...
– Eu não – completou o Peru. – Pois hoje é feriado...
Sem ninguém para ajudar, a Galinha Ruiva moeu o milho e fez a farinha.
– Quem me ajuda a fazer a massa? – pediu a Galinha Ruiva.
– Eu não – começou o Pato. – Estou muito ocupado...
– Eu não – continuou o Porco. – Estou muito cansado...
– Eu não – completou o Peru. – Pois hoje é feriado...
Mais uma vez sozinha, a Galinha Ruiva amassou a farinha e preparou a massa do 
bolo.
– Quem me ajuda a assar o bolo? – pediu a Galinha Ruiva.
– Eu não – começou o Pato. – Estou muito ocupado...
– Eu não – continuou o Porco. – Estou muito cansado...
– Eu não – completou o Peru. – Pois hoje é feriado...
A Galinha Ruiva assou o bolo de fubá sozinha e, logo, o terreiro encheu-se do cheiro 
gostoso do bolo prontinho!
– Quem me ajuda a comer o bolo? – disse a Galinha Ruiva.
Mais que depressa, os três preguiçosos pularam do seu canto e vieram correndo.
– Eu ajudo! – apresentou-se o Pato, todo animado.
– Eu como! – disse o Porco.
– Pode deixar comigo! – veio dizendo o Peru.
A Galinha Ruiva pôs as asas na cintura e devolveu:
– Ah, é? Na hora que eu precisei de ajuda, nenhum de vocês apareceu. Agora que 
o bolo está pronto, vou comê-lo inteirinho, junto com os meus pintinhos! Quanto a vocês, 
chupem o dedo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ouça a estória "O galo rouco e o rato esperto", da Cigana Contadora de Estórias!

Quer saber quando tem estória nova no blog?

Apresentações de contadores de estórias

Palavra Cantada - O rato
Clara Haddad - O coelho e o baobá

Cia Ópera na Mala - A sopa de pedras do Pedro

Cia Ópera na Mala - Pedro Malazartes e o pássaro raro

Eventos & Cursos

A atualizar