sexta-feira, 17 de julho de 2009

Conto: "De pouco se faz muito"

Esse conto eu recebi na comunidade Contadores de Histórias, do Orkut, uma comunidade muito legal.
Quando Davi era um bebê, o avô dele fez um lindo cobertor, para mantê-lo quentinho e confortável e para espantar os sonhos ruins.
Mas, conforme Davi foi crescendo, o lindo cobertor foi ficando mais velho também.
Um dia, a mamãe disse para ele:
-Davi, olhe só para o seu cobertor. Ele está todo esfarrapado, gasto, feio e rasgado. Acho que está na hora de jogá-lo fora.
-Ah, o vovô pode arrumar isso. -Davi disse.
O avô dele então pegou o cobertor e ficou olhando e olhando e olhando.
-Hummm-ele disse enquanto sua tesoura fazia rec, rec, rec e a agulha entrava e saía , entrava e saía. - Com isso aqui eu posso fazer... um lindo casaquinho!
Davi colocou o lindo casaco e saiu para brincar.
Mas, conforme Davi foi crescendo, o lindo casaquinho foi ficando mais velho também.
Um dia, a mamãe disse para ele:
-Davi, olhe só para o seu casaco. Ele encolheu e está pequenininho. Não serve mais em você. Acho que está na hora de jogá-lo fora!
- Ah, o vovô pode arrumar isso-Davi disse.
O avô dele então pegou o casaquinho e ficou olhando e olhando e olhando.
-Hummm-ele disse enquanto sua tesoura fazia rec, rec, rec e a agulha entrava e saía. – Com isso aqui eu posso fazer... um lindo coletinho!
Davi usou o lindo colete para ir à escola logo no dia seguinte.
Mas, conforme Davi foi crescendo, o lindo coletinho foi ficando pequeno e sujo.
Um dia, a mamãe disse para ele:
-Davi, olhe só para o seu colete! Ele está sujo de cola e de tinta. Acho que está na hora de jogá-lo fora!
-Ah, o vovô pode arrumar isso-Davi disse.
O avô dele então pegou o coletinho e ficou olhando e olhando e olhando.
-Hummmm-ele disse enquanto sua tesoura fazia rec, rec, rec e a agulha entrava e saía, entrava e saía. - Com isso aqui eu posso fazer...uma linda gravatinha!
Davi usou a linda gravata para visitar os avós todas as sextas-feiras.
Mas, conforme Davi foi crescendo, a linda gravatinha foi ficando manchada.
Um dia, a mamãe disse para ele:
-Davi, olhe só para a sua gravata! Essa enorme mancha de sopa fez a ponta dela ficar deformada! Acho que está na hora de jogá-la fora!
- Ah, o vovô pode arrumar isso-Davi disse.
O avô dele então pegou a gravatinha e ficou olhando e olhando e olhando.
-Hummm-ele disse enquanto sua tesoura fazia rec, rec, rec, e a agulha entrava e saía , entrava e saía. - Com isso aqui eu posso fazer... um lindo lencinho!
Davi usou o lindo lenço para guardar sua coleção de pedrinhas.
Mas, conforme Davi foi crescendo, o lindo lencinho foi ficando velho.
Um dia, a mamãe disse para ele:
-Davi, olhe só para o seu lenço. Você o usou tanto que ele está parecendo um trapinho, cheio de marcas e desgastado. Acho que está na hora de JOGÁ-LO FORA!
-Ah, o vovô pode arrumar isso-Davi disse.
O avô dele então pegou o lencinho e ficou olhando e olhando e olhando.
- Hummm-ele disse enquanto sua tesoura fazia rec, rec, rec, e a agulha entrava e saía, entrava e saía-Com isso aqui eu posso fazer... um lindo botão!
Davi usou o lindo botão para prender o seu suspensório.
Um dia, a mamãe perguntou para ele:
-Davi, onde está o seu botão?
Davi olhou para o suspensório.
O botão tinha desaparecido!
Ele procurou em toda parte, mas não conseguiu encontrá-lo.
Davi correu para a casa do avô.
-O meu botão! Eu perdi o meu lindo botão!
A mamãe correu atrás dele.
-Davi, escute-me... o botão se foi. Acabou. Nem o seu avô pode fazer alguma coisa a partir de nada.
O avô de Davi balançou a cabeça, triste.
-Eu acho que a sua mãe tem razão-ele disse
No dia seguinte Davi foi para a escola.
-Hummm-ele disse enquanto sua caneta fazia risc, risc, risc no papel. - Com isso eu posso fazer... uma linda história!!!
***
O conto pode ser lido no livro "De pouco se faz muito: um conto adaptado da tradição judaica", de Phoebe Gilman.

4 comentários:

  1. achei muito legal este conto >.<

    ResponderExcluir
  2. Obrigada pelo seu comentário. Eu também acho esse conto fantástico! A pessoa criativa consegue fazer qualquer coisa com qualquer coisa. Eu também sou assim na cozinha... hehehe... Um abraço e obrigada pela visita!

    ResponderExcluir
  3. Lindo conto. Muito significativo, aborda tanto a importância de reaproveitar, como o afeto e confiança nos idosos da famíla. O final é surpreendente e mágico, todos podemos guardar nossas lembranças e momentos.

    ResponderExcluir
  4. Esse conto foi lindamente contado e musicado pela TV cultura.Adorei!

    ResponderExcluir

Ouça a estória "O galo rouco e o rato esperto", da Cigana Contadora de Estórias!

Quer saber quando tem estória nova no blog?

Apresentações de contadores de estórias

Palavra Cantada - O rato
Clara Haddad - O coelho e o baobá

Cia Ópera na Mala - A sopa de pedras do Pedro

Cia Ópera na Mala - Pedro Malazartes e o pássaro raro

Eventos & Cursos

A atualizar