sábado, 5 de outubro de 2013

Uma cigana no Tempero



A Cigana Contadora de Estórias foi convidada para participar, no dia 26, às 21h, do Tempero Cultural de outubro. Para quem não sabe, o projeto, idealizado em 2009 pela produtora cultural Yone Amorim Santos, reúne as mais variadas formas de arte - música, teatro, pintura, fotografia, gastronomia e prosa, dentre outras - num cantinho aconchegante, com participantes de primeira linha, artistas, jornalistas e convidados especiais sempre entrosados num tema bacana. 

"O projeto surge da inquietação diante das crises da contemporaneidade e da falta de um espaço de diálogo, onde possam emergir discussões acerca da produção cultural em diversos olhares. Este encontro de saberes traz consigo alimentos que acolhem a sede do desejo diante de uma construção que possa transformar as sobras em cultura, arte, filosofia e psicanálise", define Yone, que junto com o marido, o fotógrafo Antonio Preggo, conduz a iniciativa em sua casa, à Rua Silveira Martins, 173, no Bairro Petrópolis, em Caruaru.

Para o encontro, a Cigana Contadora de Estórias, alter ego da jornalista e escritora carioca Gabriela Kopinits (que está lançando um livro de estórias infantis pela Companhia Editora de Pernambuco), promete um cardápio com estórias do folclore regional. “Com esse convite, vou fechar um ciclo, pois foi com o incentivo e o apoio de Yone que comecei a contar estórias – isso foi em 2001, dentro de um projeto maravilhoso coordenado por Dôra Sá, da Secretaria de Educação do município, através do qual percorríamos escolas, creches, postos de saúde e hospitais públicos levando, além da alegria e do nosso carinho, poesia, estórias e música, com parceiros fantásticos como Valdir Santos, os meninos do Projeto de Iniciação Musical Jacinto Silva – PIM e os poetas Jénerson Alves e Nerisvaldo Alves, dentre tantos outros”, conta a jornalista.

Guanabara Comunicação 
Foto: Layanna Florêncio

Um comentário:

  1. Poxa,é incrível como estou fora de órbita mesmo!Uma contadora de estórias na minha cidade e eu sem a conhecer...parabéns,Gabriela,é uma honra participar de seu blog.Vida longa para você.

    ResponderExcluir

Ouça a estória "O galo rouco e o rato esperto", da Cigana Contadora de Estórias!

Quer saber quando tem estória nova no blog?

Apresentações de contadores de estórias

Palavra Cantada - O rato
Clara Haddad - O coelho e o baobá

Cia Ópera na Mala - A sopa de pedras do Pedro

Cia Ópera na Mala - Pedro Malazartes e o pássaro raro

Eventos & Cursos

A atualizar